O que é uma sétima?

Fala tecladista! Aqui é a Raquel Xavier do Aprenda Teclado para mais um artigo e hoje vamos falar sobre as sétimas.

Pode ser que você não tenha associado a sétima com o número 7 que aparece na cifra, mas é exatamente sobre ele que vamos falar.

Os acordes que tem sétima são representados pelo número 7 que é colocado logo depois do acorde.

Muito se ouve falar sobre sétima, mas qual é o conceito e como eu posso encontrar as sétimas de uma forma mais fácil?

Hoje é o dia de você entender as sétimas de uma forma diferente e facilitada.

Está preparado? Vamos lá!

CONCEITO DA SÉTIMA

A expressão “sétima” tem total relação com o número 7, sobre isso não tem como discordar.

E o 7, na música, vai ter relação com os graus da escala ou do tom do acorde.

Vamos ver um exemplo usando a escala de dó maior. Estas são as notas da escala:

dó – ré – mi – fá – sol – lá – si

Agora vamos enumerar as notas:

dó – ré – mi – fá – sol – lá – si
1 2 3 4 5 6 7 8

O sétimo grau ou a sétima, tem total relação com a nota que é o número 7 na escala, neste caso a nota lá.

Em casa tonalidade vai ter um grau 7 diferente, porque as notas mudam, por isso a sétima não é uma nota fixa, ela muda conforme muda a escala ou acorde.

Então, a sétima é uma nota, a sétima nota da escala!

TIPOS DE SÉTIMA

Neste início é importante que você conheça 2 tipos de sétima, que são:

  • Maior
  • Menor

A sétima maior é fácil de encontrar porque ela está na escala maior quando é montada.

A sétima menor é meio tom abaixo da sétima maior e ela é cheia de personalidade, porque a sétima menor causa uma tensão no acorde.

#1 – SÉTIMA MAIOR

Como vimos acima, a sétima maior está na escala maior e outra forma de encontrar a sétima maior é diminuir um semitom da tônica.

Por exemplo, se você tem o acorde de G (sol maior) a tônica é o que dá o nome ao acorde, neste caso o sol.

Ao diminuir um semitom da nota sol vamos encontrar a sétima maior, ou seja, a nota fá#.

Essa forma de encontrar a sétima maior é muito eficaz porque ela se aplica a qualquer acorde.

Agora, como vou reconhecer na cifra se a sétima é maior?

Existem algumas representações para a sétima maior, alguns são:

  • 7M
  • 7+
  • maj7

Vamos ver isso na prática?

Primeiro vamos ter o acorde, vou usar o C (dó maior) porque é o mais conhecido, estas são as notas de C:

dó mi sol

Se eu quiser que esse acorde tenha uma sétima maior é só encontrar a sétima na escala, certo?

Veja a escala:

dó – ré – mi – fá – sol – lá – si
1 2 3 4 5 6 7 8

No teclado:

Então vemos que o sétimo grau é a nota si, agora é só acrescentar ela ao acorde de C (dó maior).

C = dó mi sol
maj7 = si

Juntando as notas teremos:

dó mi sol si

No teclado fica assim o acorde de Cmaj7:

#2 – SÉTIMA MENOR

Antes de começar a falar da sétima menor é importante que você saiba de um detalhe que lá na frente pode te atrapalhar.

Dificilmente usamos a expressão “sétima menor” no dia-a-dia. Você vai ouvir os musicos se referindo a sétima menor apenas como sétima.

Por exemplo, o acorde de C7 falamos assim: dó com sétima.

Essa sétima é a sétima menor! Ok? 😉

Agora sim, podemos prosseguir.

Na cifra o que representa a sétima menor é o 7, apenas ele.

A sétima menor é a nota que está 1 tom abaixo da tônica.

Continuando com o acorde de C como exemplo, a tônica de C (dó maior) é o próprio dó. Para encontrar a sétima menor é só diminuir um tom de dó.

Quando diminuimos um tom de dó chegamos no sib.

Só falta acrescentar o sib ao acorde de dó.

C = dó mi sol
7 = sib

Juntando as notas:

dó mi sol sib

No teclado fica assim:

FINALIZANDO

Pronto, agora é só você encontrar as sétimas dos acordes que já conhece.

Se você tiver alguma dúvida, deixe um comentário.

Para mais aulas e conteúdos sobre música, teclado e piano:

Faça o download grátis do livro “COMO TOCAR TECLADO BEM”.

Um abraço e até a próxima,
Raquel Xavier

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

VAMOS APRENDER TECLADO DE FORMA EMPOLGANTE?

Destrave o seu talento musical com este guia completo!

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo