Como destravar a mão esquerda

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Como destravar a mão esquerda?

Fala tecladista! Tudo bem por aí? Muita gente me pergunta sobre a mão esquerda, mais especificamente sobre porque ela é, digamos, “travada”.

A mão esquerda parece ser o terror de muitos tecladistas. Quantas vezes você já quis tocar um determinado arranjo e foi impedido porque a mão esquerda não acompanhou seu raciocínio?

Não sei se já aconteceu com você.

Comigo, muitas vezes.

Situações assim nos fazem desejar ter 2 mãos direitas 🙂

Vamos começar pelo óbvio e pelo não óbvio

Primeiro passo para destravar a mão esquerda

O primeiro passo para a “cura” é óbvio: você precisa entender que uma pessoa destra naturalmente penderá por fazer tudo com a mão direita (escrever, segurar o celular, acenar para alguém e por aí vai).

Por outro lado, um canhoto penderá por fazer tudo isso com a mão esquerda.

Você pode estar pensando: “Ok, Ramon, isso é óbvio!”

Eu vou responder: “Beleza, essa é a parte óbvia”.

O que não é óbvio é que ambos os músicos, destros e canhotos, tendem por usar a mão direita com muito maior frequência no teclado. A mão direita é muito mais utilizada no aprendizado (quando eu comecei a estudar, lá em 1991, eu usava a mão esquerda só para ligar e desligar o teclado).

Mas o fato inegável está aí: a mão direita é muito mais usada.

É mais ou menos como trocar a marcha do carro. Independente se você é destro ou canhoto, deverá usar a mão direita para manusear o câmbio. O fabricante não vai colocar a marcha do outro lado só por que você é canhoto.

Da mesma forma, o teclado não será invertido só porque você é canhoto (seria uma confusão danada se fosse!).

A consequência disso tudo é que em se tratando de teclado ou piano, nós usamos a mão direita com 5, 10 ou 30 vezes mais frequência.

Isso faz com que a mão direita se desenvolva muito mais rápido e a esquerda continue “travada”.

Como destravar a mão esquerda?


Simples (na teoria, é claro).

Você precisa usar a mão esquerda com mais frequência. Não tem segredo!

É mais ou menos como um jogador de futebol destro que quer desenvolver o chute com o pé esquerdo. Se ele deseja alcançar esse objetivo deverá treinar o chute com os 2 pés de forma a equalizar o desenvolvimento.

O tecladista que quer “destravar” a mão esquerda deve dar atenção igual para as duas mãos, sem deixar que uma se sobressaia à outra.

Veja o que você pode fazer para desenvolver a mão esquerda:

  • Execute arpejos.
  • Pratique acordes complexos.
  • Pratique o “walking bass”.
  • Execute melodias e improvisos na mão esquerda.
  • Aprenda a escrever com a mão esquerda.
  • Pratique a arte desenhar.
  • Pratique outras atividades que normalmente você faria com a mão direita.

Recomendação final

Caso você sinta que sua mão esquerda é muito travada pratique por algum tempo somente com a mão esquerda.

Depois vá adicionando a mão direita, mas sem movimentos complexos (para não dividir a atenção). Seu foco precisa estar 100% na mão esquerda.

Eu garanto que você vai sentir sua mão esquerda ganhando agilidade gradualmente. É só ter paciência.

Também recomendo que você assista a essas 2 aulas para ganhar agilidade rapidamente no teclado:

E então? Gostou? Tem dúvidas? Compartilhe sua experiência nos comentários.

Até o próximo artigo,
Ramon Tesssmann

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

VAMOS APRENDER TECLADO DE FORMA EMPOLGANTE?

Destrave o seu talento musical com este guia completo!

Gostou do vídeo? Deixe seu comentário abaixo